Putaria no escurinho do cinema

Meu nome é Jorge, sou casado, moro em Brasília, tenho 42 anos e sou bem dotado, principalmente na espessura. Tenho a maior tara em casais. Em março ultimo conheci um casal num chat e quero compartilhar a experiência que tive, pois foi muito gostosa. Conheci o marido no chat e ele me disse que eram inexperientes, mas já tinham tomado a decisão de transar com outro homem. Trocamos vários emails e o primeiro encontro foi combinado num cinema de um shopping daqui e seria uma surpresa para a esposa. Eles tinham essa fantasia de propiciar alguns toques íntimos num cinema com outro homem, e combinamos iniciar nossa amizade assim. Demos nossas características físicas e fiquei esperando por eles, no hall de entrada. Eles chegaram com uns 10 minutos de atraso e o filme já havia começado. Eles tinham 37/35 anos, casados a 14. Lia é morena clara, bonita, corpo estilo falsa magra,

trajava um vestido um pouquinho acima dos joelhos e blusa. Mario é alto, simpático e estava vestindo terno e gravata. Eles entraram e fui atrás, sentando ao lado da esposa, com uma cadeira nos separando. Logo comecei a reparar nas pernas dela, o que me deixou excitado e, conforme combinado com o marido, comecei a alisar meu pau e logo o coloquei para fora da calça, me masturbando lentamente. Ela no inicio ficou meio encabulada, pois não sabia da surpresa. Como o cinema estava cheio e com um filme barulhento, o marido me chamou e combinamos ir até algum barzinho. Fomos, cada um no seu carro, para um bar do Parque da Cidade. Como eles eram iniciantes e estavam meio receiosos, para não se exporem, não quizeram entrar no barzinho e ficamos conversando no estacionamento. Logo o marido me convidou para entrar no seu carro. Ficamos conversando e logo comecei a elogiar a esposa dele, e ele sugeriu para a esposa sentar comigo atrás. Ela se acomodou e logo a abracei e, elogiando-a, comecei a passar a outra mão nas pernas dela, subindo lentamente até chegar perto da calcinha. Entao perguntei que cor era a calcinha dela… e o Mario disse: Amor, mostre para ele. Entao ela levantou mais o vestido e pude ver que era de cor branca. Aí eu disse: Lia, porque vc não tira essa calcinha… O marido prontamente concordou comigo… Ela entao tirou e pude ver uma buceta linda, sem pelos, completamente raspadinha… Eu a beijava e tocava carinhosamente na bucetinha da Lia, que já estava bem úmida e quente. Tirei meu pau para fora e ela viu e logo disse: Hummmm… que pau grande e grosso… e ficou acariciando… Estávamos muito excitados e a Lia perguntou ao Mario: Amor é isso que vc queria não é? Ver outro homem tocando em minha buceta… Ele, já com o pau para fora, disse: Quero isso e muito mais amor… Ela continuava alisando meu pau… e depois disse para o marido: Amor, pegue no pau dele e veja como é gostoso. O Mario imediatamente se virou mais ainda e pegou no meu pau o que me deu uma sensação muito gostosa, apesar de ter sido a 1a. vez que outro homem pegou nele. Ficaram os dois alisando meu pau… e logo o marido pediu para ela chupar ele um pouquinho. Ficamos assim trocando caricias por uns 30 minutos. Como estava um pouco tarde e não tinha avisado em casa que iria demorar, combinamos de nos encontrar para irmos para um local adequado.

Qualquer casal ou mulher de Brasilia e redondeza que queira manter contato comigo, é só escrever para Qualquer casal ou mulher de Brasilia e redondeza que queira manter contato comigo, é só escrever.

6 comentários sobre “Putaria no escurinho do cinema

Deixe um comentário

CAPTCHA




contos de insestoscontos sexyporno contocontos eroticos velhorelatos eroticoscontos eroticos com animaiscomto eroticocorno manso contosgay contoscontos eróticos cunhadacontos safadoscontos eroticos com novinhascontos eroticos troca de casaisconto cornoconto eroticos reaiscontos eróticos proibidoscontos pornográficoscontos eroticos reaiscontos eróticos de incestocontos erconto putariacomi minha tia contoscontos eroticos comi minha sogracintos eroticoscontos cuzinhoconto erótico dormindocontos eroyicoscontos eroticos irmaoscontos erotico reaisconto erotico onibuscontos eróticos.conto sexo gayrelatos eroticosconto gay eroticoconto erotico putinhacomi minha tia contoscontos eroticos no onibusconto erotico traiçãoconto eroticocontos eróticos ônibuscontos erotico incestocontos eróticos lésbicoscontos eroticos de sogracontos reais de sexocontos eroticos 2018contos eroticos professoracontos gays reaiscontos eroticos gay 2018conto erotico ginecologistacontos eroticos onlinecontos eróticosgaycontos de sexo analcontos eroticos de encoxadasmeucontoeroticomeu marido é cornocontos eróticos de incestoscontos eróticos com animaiscomi minha sobrinhacontos eroticos com padrastocontos eroticoscontos eróticos papaicontos eróticos cunhadocontos eroticos incesto pai e filhacontos eroticos de meninascontos eroticos irmacontos eróticos netcontos.eroticoscontos eroticos sobrinhacontos eróticos a forçacontos e fetichescontos eroticos sobrinhoconto erótico no ônibuscontos eróticos traiçãocontos eróticos travestiscontos de incestocontos gay recentescontos pornos gayscontos eroticos onibuscontos eroticos brcontos eroticos gay primosconto erotico cunhadaconto erotico incestocontos eroticos lesbicacontos eroticos com meninasconto erotico realcontos eroticos mãecontos eroticos com meninasgay contos eroticoscontos de sexo analcontos erconto de incestocontos e relatos eróticoscontos eroticos papaiconto erotico crentecontos eroticos de novinhasconto erotico praiacomi minha sobrinhacontos lésbicoscontos podolatrasconto erotico