Sendo Dominado pela vizinha

Vou contar agora um conto a vocês , fictício envolvendo minha vizinha. De começou irei falar a vocês como é minha vizinha uma morena de pele clara aparenta ter 1.68 de altura, uma linda bunda empinada e peitos fartos, pezinhos número 34 sempre com unhas pintadas de branco sempre tive muito interesse e tesão nela por conta de sua beleza e beleza dos seus pés, porém nunca imaginei que viveria algo tão marcante para mim como foi aquela sexta feira.

Eu estava voltando do trabalho, ao chegar no Portão de casa reparei ao meu lado que rafa(nome fictício que usarei) também estava voltando do trabalho reparei nos seus pés para ver que calçado estava usando era uma sapatilha preta que ficava linda no seu pé na hora fiquei ali pensando na possibilidade de tirar aquelas sapatilhas dos pés dela é sentir aquele cheirinho de chulé de um dia todo de trabalho. Ouço uma voz, ela estava falando comigo

– olá , vizinho Boa tarde!

Eu sucintamente respondo-a:

– Boa tarde rafa!

Nisso ela aproveita e me faz um pedido.

– vizinho você pode ir largar meu lixo na lixeira do outro lado da rua que eu não alcanço la?

Rapidamente pego a sacola de lixo e largo na lixeira como rafa havia me pedido.

Quando voltei percebi que rafa havia esquecido o portão aberto quando olhei para a varanda de sua casa vi suas sapatilhas na entrada da porta mas nao conseguia ver ela.

Então como o portão dela estava aberto usei essa desculpa para entrar lá e conseguir cheirar aquela linda sapatilha.

Entrei lá peguei uma das sapatilhas na mão e comecei a cheirar enlouquecidamente tinha um cheiro maravilhoso um chulé forte de quem havia andando o dia todo com ela estava com algumas marquinhas.

Quando olhei para atras ver se tinha alguém me viajando la estava rafa me olhando com uma cara muito séria, e me pergunta:

O que voce esta fazendo, esta cheirando minha sapatilha por que ?

Rapidamente ela olha para minhas calças e vê aquele alto volume, assustada faz outra pergunta sem eu nem ter respondido a primeira:

Você esta excitado cheirando minha sapatilha?

Naquela hora não tinha o que falar apenas fiquei calado. Consegui reparar que ela estava descalça com unhas pintadas de francesinha, os pés dela estavam lindos, rafa era uma linda mulher costuma frequentar academia e clubes de luta a muito tempo ela treinava em uma academia de Muay Thaí e sabia lutar muito bem, já eu era um magrelo que só tinha tesão em pés.

Rafa começou a direcionar xingamentos a mim e disse que iria ligar parar Policia.

Na hora me assustei e implorei para que ela nao fizesse isso.

Então rafa saiu em direção ao celular e eu corri atrás dela para tentar parar tentei agarrar ela pela cintura, mas ela me deu um forte soco na barriga e me derrubou no chão então ela disse que antes de ligar para Policia iria me dar uma linda tunda e falar que foi por legítima defesa apos eu invadir sua propriedade. Rafa me levantou do chão e me deu mais um soco na barriga tentei levantar e ela me deu um chute na cara e cai com o nariz sangrando aos seus pés, então rafa pegou e começou a dar vários golpes com o pé no meu rosto estava no chão humilhado sem oque fazer então desmaiei aos pés de rafa.

Quando acordei estava sentando em uma cadeira de praia em um lugar escuro com as mãos e pés amarrados e sem roupas, estava com um pano na boca e estava com muita dor pela tunda que havia levado de rafa. Rapidamente a luz acende e percebo que estou no quarto de rafa e ela abre a porta eu começo a tentar a gritar e não consigo meu som acaba sendo abafado pelo pano que estava na minha boca.

Rafa olha para mim é começa a falar:

Não adianta gritar só estamos eu e voce aqui ninguém vai te ouvir. Depois que você desmaiou eu estava indo ligar para Policia e pensei comigo mesmo por que ligar para Policia se eu posso ter um escravo para humilhar e fazer o que eu quiser, você vai fazer o que eu mandar, você gosta do meu chulé ne então vai ter que sentir o cheiro deles todos os dias, vai me chamar de rainha, fazer minhas tarefas domésticas e terá que se humilhar para mim! É voce será obrigado a fazer tudo que eu mandar sabe pq ? Por que minha câmera filmou toda sua cena com minha sapatilha. Se voce não virar meu capacho vou entregar essas imagens a polícia e a todos que você conhece então Boa sorte escravinho ! Nosso ela fecha a porta e eu fico ali no mesmo lugar imobilizado na cadeira assustado com a situação mas excitado também.

1 comentário sobre “Sendo Dominado pela vizinha

  1. Tenho vontade de tira uma virgindade de uma novinha conhecer mae e filha ou ter uma casada na frente do marido ou ser amigo de uma familia safada rsrs
    Estou aqui pensando sera que ter mae que da para o filho mesmo?
    Me chama no zap vamos bater um papo meu zap e 11947841246

Deixe um comentário

CAPTCHA




comi minha sogracontos eroticos de insestostextos eroticosconto erotico gravidacontos eroticos de mulheres casadasconto erotico categoriacontos eroticos madrastaconto erotico reaisincestotransei com meu cunhadoincesto contoscontos de sacanagemcontos eroticos coroascdzinha contoscontos exóticosrelatos eroticocontos eroticos festanovos contos eroticosconto erotico meninoconto eróticocontos.erocontos eroticos de gaycontos eroticos travesticontos eróticos para mulherescontos de incesto gayeróticoscontos erticoscontos eróticos putinhacontos pornográficoscontos eroticos genroconto erótico realconto erotico traicaocontos eroticos safadoscontos safadoscontos de cornoscontos eroticos incestoscontos ertcontos eróticos novinhascontos eroticos mamaecontos gay incestocontos eróticos de cornocontos eroticos gay incestocontos eróticos traiçãocontos eroticos traiçãocdzinha novinhameu professor me comeucontos eroticos veridicoscontos roticoscomi minha mae contocontos eroticos pai e filhaputaria contoscontos feticheconto erotico massagemcontos xxxcontos de casalconto putariacontos eroticos femininoscontos eroticos com gravidascontos porno incestocontos erotico incestoultimos contos eroticos gayscontos eroticos traindo o maridoconto erotico casadacontos eroticos novosconto erotico onibusgay contoscontos porno de incestorelatos eroticosconto erotico no onibuscontos eroticos vovo