Ele Tem Certeza Que É Corno

Boa noite meus lindos e lindas… Meu nome é Sandra e sou descendente de asiáticos, alta, magra e com seios inchados e longas pernas, cabelos negros como meus olhos, morena e traidora compulsiva como no primeiro conto, o de número 170930, leiam e comentem, muito grata aos votos e comentários, esse talvez seja mais longo e detalhado, desculpem meus amores… Enfim depois daquela primeira loucura que durou o carnaval e não saímos da pousada, inclusive o Bernardo que depois retorna, nos casamos em um mês e vi minha irmã apenas no casamento… Eu sei que nada dura para sempre mas a Viviane com seu corpo tesudo, não falei antes… Com 1,70 m e 58 kg ela é a imagem do tesão… Que fêmea… Nossa… Ficamos de falar ao retorno da lua de mel… O Rodrigo me comeu como esposa uma semana… Um funcionário do hotel garotão me observava… Eu sentia tesão, mas não o suficiente… Uma semana

fiel… Vi o Hugo saindo do trabalho com a noiva… Era o suficiente… Na cabeça do Rodrigo aquilo tinha sido uma despedida de solteiros, ele de fato jamais desconfiaria… No domingo o Hugo terminaria o serviço à meia noite e pedi que passasse no nosso apartamento depois do serviço pois tinha um extra para ele… Ao anoitecer dei viagra ao Rodrigo pedindo que me comesse de todas as formas… Nos curtíamos e eu gozava mais por pensar que logo outra pica descansada estaria ali… Ele gozou seis vezes… Me chupou, lambeu meus seios e na última gozou neles… Curti um baseado com ele e dei um calmante… Tomei um banho e coloquei um vestido com calcinha de algodão…

– Aonde você vai Sandra???
– Vou dar um tempo no bar tudo bem amor???
– Nada amor… Te amo!!!
– Vou trancar a porta por fora amor…
Para minha sorte, a porta se abria sozinha e o ar frio saía, assim precisando ser trancada por fora… Bem, ali ele tinha banheiro e água em uma pequena geladeira… Era uma boa suíte e esperei com minha bolsa no sofá… Pedi na recepção cerveja em um balde de gelo, na bolsa viagras e baseados… Como último teste toquei meu grelo… O arrepio percorreu minha espinha e fez o corpo formigar… Tirei a calcinha e coloquei na bolsa… E traguei um recebendo a cerveja na porta… Minutos depois o Hugo apareceu… Bateu três vezes a porta como pedi e entrou… Pareceu não gostar das cervejas e baseados…

– Senta meu amor… Quantos anos você tem???
– Tenho 19 anos dona Sandra… Mas o que precisa???
– Só conversar… Podemos unir o útil ao agradável, você relaxa enquanto estiver aqui e eu converso… Tenho idade para ser sua mãe…
Ele sentou pegando uma cerveja… Parecia um paciente no consultório… Nossa lua de mel foi aqui no Rio de Janeiro mesmo, então nos veríamos…
– Te vejo trabalhar tão duro… Pega um… Nosso segredo…
Ele começou a tragar e a me olhar… Estava de pernas cruzadas…
– Eu e minha noiva somos crentes… Então não faremos nada até casar…
– Hummm… Ela tem quantos anos???

– 22 anos Sandra…
Coloquei dois viagras em um copo dele e esse chapado não percebeu… Minha xoxota escorria e meus seios imploravam ser mamados…
– Hugo… Você é homem… Deixa eu te ensinar uma coisa… Xoxota é tudo igual, não faz mal para o homem… Se vocês não falarem, elas nunca vão notar…
– Sandra… Estou suando… E duro…
Eu abri as pernas na saia curtíssima do vestido e rindo perguntei:
– Vê algo que te interessa???
– Porra Sandra… Eu não vou agüentar…
– Mas agüentar o que???
– Puxei seu corpo mole como uma professora… Já sem o vestido esfreguei seu pinto duro na minha entrada… Coloquei… 22 cm conforme minha teoria dos pintos, bateriam no útero… Ele deslizou e caiu me beijando… Eu urrei e ele pulsando em mim perguntou…

– Cadê o corno???
– Dormindo com calmante…
Ele me virou de quatro e colocou uma almofada na minha boca comendo com vontade minha xoxota…
– Uma puta de 36 anos não faz como namorada né???
– Isso… Me come Hugo, me bate…
Ele me sujou e me virou de frente mamando como macho meus seios… Meninos, nós gostamos com força…
– Continua Hugo… A primeira foi muito rápida…
Ele colocou até gozar de novo…
– Porra Sandra se você vier uma vez por mês termino com ela…
– Calma menino, você pode ter as duas…

Ele achou na minha bolsa uma camisinha e lubrificante… Era meu plano de casamento, já que a última vez fora na faculdade…
– Goza na minha boca antes Hugo…
Eu mamava desesperada e ele mandou eu ficar de quatro… Secou seu pinto no meu vestido e colocou a camisinha… Já cansado, me comeu mais de meia hora de quatro na bunda, me assando com tesão… Tirou o pinto e a camisinha e sentou…
– Mama Sandra… O leite que sua bunda produziu…
Nada melhor que um crente safado para melhorar seu astral… Bebemos uma cerveja enquanto eu bebia seu leite e limpava seu pinto… Ele se foi e eu tomei um banho bem quente… Voltamos para casa… O processo de ser fiel recomeçava… Foram seis meses… Um instrutor da academia forte, o Jonas um dia roçou em mim sem querer… Depois que a academia fechou fomos ao vestiário… De novo 22 cm, eu me perguntava se romperia essa barreira…
– Amor vou precisar voltar ao trabalho…

– Tudo bem amor!!!
A pica do Jonas já me adentrou… Sinto aquilo inchando…
– Toda esposinha gosta de uma pica por fora né Sandra???
Ele começou a mamar minha nuca…
– Não faz isso Jonas…
– Uma marquinha para o corninho… Só isso…
Eu gozei gemendo ouvindo isso… Caída ele me pegou de lado… Parecia não desistir nem querer gozar… Foram duas horas… Pedi que gozasse na minha xoxota… Ele me destruiu… De joelhos pedi mais… Fiquei mamando seu pinto… Ele fumava um dividindo comigo… Esporrou fartamente nos meus seios… A partir dali todas as minhas tardes de sexta-feira passaram a ser em um motel… Um ano se passou… Meu caso com minha irmã aumentou e tive alguns amantes, principalmente dois estagiários do trabalho… E o carnaval chegou…

– Amor vamos de novo a Minas Gerais, onde ficamos noivos???
Ele associava o lugar ao acontecido… Mas a Viviane andava animando ele… Enfim chegamos à pousada… O Bernardo alegre em nos ver… Combinamos eu e ela o que faríamos, se o Rodrigo não quisesse pararíamos… A noite caiu… Umas 20:00 brincamos com o Rodrigo… E a coisa ficou tensa mesmo…

– Amor se você come minha irmã…
– Aff… Eu sabia que vir aqui seria uma roubada…
– Calma amor… Nós queremos brincar com você…
A Viviane sabe seduzir o Rodrigo e deu a ele um baseado começando um amasso gostoso… Depois ele lambeu nossos seios e ela deu remédio a ele… Uma camisinha e o algemou para trás…
– Você pode comer nós duas juntas mas algemado…
– Nossa que tesão…
Ela se abriu e o encaixou… Passou a mão na minha xoxota e começou…
– Então Rodrigo… Você sabe que essa xoxotinha da minha irmã é assanhada… Precisa de pintos diferentes às vezes né???
– Como assim Viviane??? Você está mais tesuda hoje…
Ela colocou um elástico no seu pinto, o que o fez ficar latejando…
– Viviane estou ficando maluco…
– Amor toda sexta-feira meu instrutor da academia me come…
Ele gozou se debatendo todo… A Viviane o segurou com as pernas… Algemado ele ouviu a ordem e sem tirar a camisinha colocou em mim… Mamou meus seios chorando…

– Como você consegue Sandra???
A Viviane chamou o Bernardo e começou a mamar seu pinto… Dei baseados ao Rodrigo que ficou mole… A Viviane deu para ele… O Bernardo encaixou em mim… 22 cm negros e bem duros… O Rodrigo não falava… A Viviane apenas o mamava desesperado com a camisinha ainda… O Bernardo me usou duas horas e foi embora exausto… O Rodrigo nos comeu de novo… A camisinha já pesava e fiz ele gozar quando falei:
– Amor, pensa que você está me comendo com porra dos machos na xoxota…
Ele gozou mas parecia acuado… A campainha tocou e a Viviane foi atender… Voltou com um macho forte mulato com uns 30 anos… Esse simplesmente me pegou e deu um amasso espetacular… Saltou sua pica de 23 cm… A Viviane riu enquanto dava a xoxota para o Rodrigo lamber…
– Sandra seu presente de um ano de casada…
Eu deitei ao lado deles…
– Rodrigo amor… Quero que você assista…
Nunca me debati ou gozei tanto… Quando o macho se foi tomamos banho… Ele solto disse que não se importava… A Viviane abriu a xoxota para ele pois eu não agüentava mais… Agora ele tinha a certeza que era corno…

1 comentário em “Ele Tem Certeza Que É Corno”

  1. Sou. Louco por mulher casadas braquinha loira da buceta braquinha adoroooooooo mulher branca me chama Mae que gosta de ver a filha em uma vara me chama sou louco para pegar uma mae e uma filha ou pegar uma filha na frente da mae uiiii deve ser uma delicia ou pegar uma novinha virgem deve ser uma delicia ou pegar uma esposinha na frente da familia. So loucuras se vc tem vantade de fazer loucuras me chama 11 947841246 se esta com tensão vem

    Responder

Deixe um comentário



conto erotico incestoconto gay primeira vezcontos eroticos com sograputinha do papaiconto porno incestoconto.eroticoconto erótico lesbicoconto erotico academiacontos eroticos novoscontos eroricoscontos eroticos primacontos eroticos traiçaoconto erotico no onibuscontos eróticos realconto eroticocontos eróticos lésbicasconto eroticontos eroticos com sogranovos contos de incestocontos gay 2018contos de incesto mae e filhocontos eroticos verdadeiroprimeiro boquetecontos eróticos coroasconto eróticoconto erroticocomtos eróticoscontos eroticos cornosconto erotico tiacontos eroticos velhocontos eroticos selvagemcontos eroticos tiocontos eroticos de traiçãocontos eroticos gaysrelatos eroticoscontos eróticos meninascontos gay recentescontos de sexoscontos eróticos lesbicocontos ercontos eroticos por categoriaconto eriticocontos eroticos genroconto eróticos onlinecontos eroticos de gayscontos eroticos cornoscontos eroticos com a sograconto erotico gay paiconto eroticos reaiscontos eroticos incestuososcontos eróticos incestosconto erotico esposasexo gostoso contoscontos erótico gaycontos eroticosaconto erotico gaycontos eróticos academiacontos eroticos genrocontos erotico reaiscontos eroticos femininoscontos podolatriacontos eroticos sexocontos perdendo a virgindadecontos eróticos esposaconto comi minha tiacontos gay sexocontos erotico reaiscontos eroticos no tremconto erótico de incestocontos eroticos insestocorno manso contocontos eróticos padrastocontos eróticos novinhacontos/eroticoscontos de sexcontos eróticos 2018relatos e contos eroticosnovos contos eroticoscontos eroticos avocontos heroticos reaiscontos sexyconto erotico no onibus